quinta-feira, 7 de junho de 2012

De onde vem o mal?

criança chorandoFotografia vista aqui.

“Ou Deus quer impedir o mal e não pode, ou pode mas não quer. Se quer mas não pode, é impotente. Se pode, mas não quer, é malévolo. Mas se Deus pode e quer, de onde vem então o mal?”

Epicuro

2 comentários:

Saulo de Tarso disse...

O mal vem da compreensão do bem. Quando estabelecemos os parâmetros de julgamento do que seja bem, automaticamente determinamos que tudo o mais fora destes limites só pode ser mal.
Sabemos o que é o mal a partir do conhecimento do bem. Pode ser que o Deus dos hebreus tenha criado o mal para eles, quando determinou-lhes o que deveriam e o que não deveriam fazer. Pode ser também que tal Deus nem exista. Mas a não existência do Deus hebraico ou de qualquer outro Deus não significa que não saibamos a origem do mal. O mal é resultado do juízo de valores, quando o próprio homem assume sua capacidade de arbitrar livremente o que seja bem para ele. Lembrando que, o que o homem julgue ser mal não o será necessariamente para todo o resto. Mesmo que todo o resto além do ser humano não possa distinguir o bem do mal. Apenas porque o homem ainda pode fazê-lo.

Nelson Rodrigues disse...

Para melhor aceitarmos a resposta, devemos colocar-nos esta situação:
- Deus não existe!
- Mas o mal existe...
- Afinal, de onde vem o mal?
[procura-se a resposta...]
--- Resposta encontrada??? ---
Então já poderei afirmar novamente: Deus existe!