terça-feira, 1 de abril de 2014

Mentir, eis o problema

pinoquio-paradoxo do mentiroso

DOIS RUMOS

Mentir, eis o problema:
minto de vez em quando
ou sempre, por sistema?

Se mentir todo dia,
erguerei um castelo
em alta serrania

contra toda escalada,
e mais ninguém no mundo
me atira seta ervada?

Livre estarei, e dentro
de mim outra verdade
rebrilhará no centro?

Ou mentirei apenas
no varejo da vida,
sem alívio de penas,

sem suporte e armadura
ante o império dos grandes,
frágil, frágil criatura?

Pensarei ainda nisto.
Por enquanto não sei
se me exponho ou resisto,

se componho um casulo
e nele me agasalho,
tornando o resto nulo,

ou adiro à suposta
verdade contingente
que, de verdade, mente.

Carlos Drummond de Andrade, Boitempo.

1 comentário:

ARNALDO SILVES FERREIRA disse...

Mentir..Mentiras...InVerdades...
« MENTIR...Nao dizer a VERDADE
« MENTIRAS...O que sabemos NAO SEREM VERDADES
« IN.VERDADES...Os que SERAO ? SAO ?..meias (semi) VERDADES...
SERAO ??
:-).. Auxilio ? ..para BEM e MELHOR escrevermos/entendendo A LINGUA PORTUGUÉSA..de Milhoes de Falantes ( a 5a.Mais FALADA ? )